Testemunho de Fé

Total de testemunhos : 12 Encontrar meu testemunho (entre com seu e-mail)
Emilyn Emilyn
Almirante Tamandare-PR
A três anos atrás fui diagnosticada que estava com problema no colo do útero, fiz varios tratamentos e nada de sarar. O problema é que os médicos disseram que se não ressolvesse os tratamentos poderia se tornar um câncer. Então com muita fé e esperança vim até Iguape pedir ao Bom Jesus a cura, que eu se livrasse desse problema que poderia se agravar. E então depois de realizar um único procedimento voltei a repetir os exames para ver como estava, e para minha surpresa e alegria recebi a notícia de que estava curada, que não havia mais nada. E o melhor de tudo é que recebi essa notícia maravilhosa bem na semana que estava programada a viagem a Iguape. Fui ao Bom Jesus agradecer pela graça alcançada, sou muito grata por tudo. E para sempre serei devota a ele meu querido Bom Jesus de Iguape....so tenho a agradecer
FRANCIELI ALMEIDA FRANCIELI ALMEIDA
Capão Bonito sp-SP
Boa tarde! Quero deixar aqui o meu testemunho, uma graça recebida para minha mãe em janeiro de 2015. Tudo aconteceu quando estavamos voltando de férias, quando minha mãe cardiaca começou a sentir forte dor no peito e sudorese intensa, levamos-a para o PS da cidade, quando o quadro evoluiu, naquele momento seu coração batia a 200 bpm, sua pressão caiu para 7x5, onde foi transferida para o Regional de Pariquera-açu, eu e minha familia vimos a morte de minha mãe chegando e nós sentiamos imune a essa situação, o cardiologista chegou e fez o uso do desfibrilizador era a última tentativa dos médicos...Então sabe como e quando minha mãe saiu do Hospital? Ela saiu andando e no mesmo dia...como se nada tivesse acontecido, mas sabe o que foi que realmente aconteceu UM MILAGRE, FOI O SENHOR BOM JESUS QUE COLOCOU AS MÃOS NAQUELE MOMENTO E DEVOLVEU-A PARA NÓS...OBRIGADA MEU SENHOR BOM JESUS DE IGUAPE PELO MILAGRE!!! Francieli Almeida- Capão Bonito SP
Laci Alves Ledox Laci Alves Ledox
Itapuá-SC
Laci é mãe de dez filhos e vem ao Santuário do Senhor Bom Jesus de Iguape há 36 anos. “A primeira vez que conheci o Santuário seguia com meu marido e três filhos de Perua Kombi à Aparecida e paramos em Iguape, bem quando acontecia a Festa do Senhor Bom Jesus. No ano seguinte, viemos de caminhão com 18 pessoas, só da família. Trazíamos na época a carne de porco na banha. Ninguém ia a baile; meu marido não deixava, era só igreja. Meu marido foi desenganado pelo médico, pois ele tinha enfisema pulmonar, mas não bebia e nem fumava. Nós montávamos uma barraca nas traves do campo de futebol. Meu filho trazia um caminhão grande e também uma bomba de oxigênio para meu marido, pois o médico disse ele iria embora logo. Vinte anos depois, com a graça do Senhor Bom Jesus, ele faleceu há três anos andando no dia do Divino Espírito Santo com 80 anos. Meu neto, Jesse, tem 13 nos e vem aqui desde pequeno doente. A mãe teve um problema na gravidez; a criança é macrocéfala. É normal e muito devoto do Senhor Bom Jesus. Hoje ele ajuda na Igreja e na Festa. Ele é bom de cabeça graças ao Senhor Bom Jesus. Minha irmã, Luz Marina, teve um filho doente, Paulo Cesar Cusar. O menino tinha o ***** recolhido (ficou interno). A Luz Mariana conheceu uma pessoa que a levou para São Paulo. A criança fez três cirurgias para extrair o *****, mas foi com o pedido ao Senhor Bom Jesus que ele sarou, casou, e hoje tem três crianças lindas e continua vindo para Iguape todos os anos.